- Destaque - Destaque Principal Três Lagoas

Vereadores e Sinted discutem política de combate à violência nas escolas

Comissão Permanente de Educação avaliou a proposta, que deverá ser apresentada ao Executivo para encaminhamento de projeto de lei

Representantes do Sindicato dos Trabalhadores da Educação (Sinted) e membros da Comissão Permanente de Educação da Câmara Municipal de Três Lagoas reuniram-se, na manhã desta quarta-feira (4), no gabinete do vereador Nilo Cândido, para discutir um anteprojeto de lei de criação da Política de Prevenção e Combate à Violência contra os Profissionais da Educação da Rede Municipal de Ensino.

Participaram da reunião o vice-presidente da Mesa Diretora da Câmara e presidente da Comissão de Educação, vereador Nilo Candido, o vereador Kleber Carlos Carvalho, que é membro da referida Comissão, e, representando a diretoria do Sinted, o professor Petrônio Alves Correia Filho e a professora Adriana Lofego.

O anteprojeto, que deverá ser apresentado também à prefeita Marcia Moura e à secretária de Educação e Cultura, Jussara Aparecida Fernandes, antes de ser encaminhado à Câmara para tramitação como projeto de lei, propõe, entre outras medidas, a criação  de um Conselho de Prevenção à Violência na Escola.

Esse conselho deverá ser implantado em cada unidade escolar e constituído de professores, servidores, especialistas em educação, pais, psicólogos, assistentes sociais e integrantes do Conselho Tutelar.

“O anteprojeto é abrangente, completo e rico em sugestões de ações, que muito irão contribuir para a prevenção da violência nas escolas”, avaliou o vereador Nilo Candido.

“É importante que o Executivo tenha a iniciativa de encaminhar logo o projeto de lei à Câmara, para que haja tempo de sua tramitação e aprovação, ainda neste ano”, sugeriu o vereador Klebinho.

“Conforme a proposta, nas reuniões do Conselho é que serão levantados os problemas e quais as medidas adequadas que deverão ser tomadas”, ressaltou Nilo Candido.

Por sua vez, o professor Petrônio lembrou que o referido anteprojeto de lei vem sendo “amadurecido e estudado há tempos e se faz necessário e urgente para a nossa realidade”, disse.

O anteprojeto surgiu de sugestões e propostas discutidas em audiência pública, realizada na Câmara Municipal, em abril de 2013, e também de sugestões dos vereadores Nilo Candido e Gilmar Garcia Tosta.

ASSESSORIA DE IMPRENSA

Câmara Municipal de Três Lagoas/MS