- Destaque - Destaque Principal Três Lagoas

Três Lagoas e municípios da região sul do estado recebem workshop da Redesim

Capacitação ensina sobre o uso do Sistema Integrar. Objetivo é reduzir burocracia na abertura de empresas

Entre os meses de março e abril, sete municípios de Mato Grosso do Sul recebem o workshop da Redesim (Rede Nacional para a Simplificação do Registro e Legalização de Empresas e Negócios), ministrado por um consultor do Sebrae. O objetivo é capacitar funcionários das prefeituras municipais a utilizar o Sistema Integrar, tecnologia adotada nacionalmente para viabilizar de forma mais rápida e fácil a abertura de empresa e alteração de dados empresariais.

Integram o cronograma: Ivinhema (29 de março), Naviraí (30 de março), Mundo Novo (31 de março), Ponta Porã (06 de abril), Amambai (07 de abril), Nova Andradina (12 de abril) e Três Lagoas (14 de abril). De acordo com o Sebrae/MS, após a realização do Workshop, a previsão é que o sistema já esteja em funcionamento na cidade após cerca de uma semana.

Com o Integrar, a Prefeitura tem condições de analisar no mesmo instante do pedido, por exemplo, antes de o empresário iniciar suas atividades, se há condições de se montar a empresa no local pretendido, respeitando o Plano Diretor do Município. Além disso, a administração municipal consulta e repassa imediatamente todas as informações que o empresário precisa, como as licenças necessárias para funcionamento.

Se for considerado um negócio de baixo risco de acordo com a resolução 22 do Comitê Gestor do Simples Nacional, a partir do momento em que iniciar a constituição da empresa e for até a prefeitura solicitar autorização para início das atividades, o empresário receberá um alvará provisório. O documento permite que a visita de inspeção seja feita após a abertura do negócio, e não obrigatoriamente antes.

“Queremos agilizar o processo de abertura de empresa. Nesse caso, em até oito dias o empreendedor estará com o alvará de funcionamento provisório em mãos, pronto para iniciar suas atividades. Antes, este mesmo processo demorava em torno de 60 dias no estado”, destaca Julio Cesar da Silva, analista técnico do Sebrae.

Em Mato Grosso do Sul, 12 municípios já estão com o sistema implementado: Aparecida do Taboado, Campo Grande, Cassilândia, Chapadão do Sul, Corumbá, Costa Rica, Coxim, Jardim, Maracaju, Paranaíba, São Gabriel do Oeste e Sidrolândia.

A Redesim é uma iniciativa do Governo Federal com parceria do Sebrae, por meio de suporte técnico. Em MS, a iniciativa conta com o apoio do Governo do Estado de Mato Grosso do Sul (através do PROPEQ – Programa Estadual de Apoio aos Pequenos Negócios), e da Jucems (Junta Comercial do Estado de Mato Grosso do Sul).

Jornalismo – Sebrae/MS

Jornaldiadia