Geral

Saúde investiga 33 casos de febre chikungunya em nove municípios do Estado

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) informou, nesta quinta-feira (27), que registrou 40 notificações da febre chikungunya em Mato Grosso do Sul. Desse total, 33 estão sendo investigados para confirmar a doença, seis foram descartados e um foi confirmado, em Campo Grande.

Conforme os dados, 20 casos estão aguardando o laudo para confirmar a doença na Capital, três em Dourados e Três Lagoas, dois em Bandeirantes e um nos municípios de Água Clara, Corumbá, Ribas do Rio Pardo, Rio Verde e São Gabriel do Oeste. Um caso notificado em Itaquiraí já foi descartado.

Sintomas

A secretaria informa que pessoas com febre de início súbito maior que 38,5°C e dor intensa nas articulações de inicio agudo, acompanhada ou não de edemas (inchaço), não explicado por outras condições, sendo residente ou tendo visitado áreas onde estejam ocorrendo casos suspeitos até duas semanas antes do início dos sintomas ou que tenha vínculo com algum caso confirmado são considerados suspeitos.

Prevenção

A melhor forma de prevenção é a limpeza. Descarte correto de objetos que podem acumular água (garrafas, pneus, latas, baldes, etc) e tampar sacos de lixos e lixeiras são algumas das medidas que dificultam a proliferação do mosquito transmissor.

 

GABRIEL MAYMONE

viaSaúde investiga 33 casos de febre chikungunya em nove municípios do Estado – Correio do Estado.

Saúde investiga 33 casos de febre chikungunya em nove municípios do Estado