- Destaque - Destaque Principal Economia Três Lagoas

R$ 240 mi: Cargill na iminência de ampliar sua unidade em Três Lagoas

Segundo informações do Valor Econômico, a empresa está embalada por aumentos de receita e lucro no Brasil em 2014

A expectativa em torno de grandes investimentos em ampliações de fábricas no município de Três Lagoas é grande. Em decorrência do desfalque e do “baque” que sofreu após a paralisação das obras da Unidade de Fertilizantes – UFN3 – na cidade, agora é momento de voltar as forças e olhos para as expansões das indústrias já existentes no município.

A Cargill, que na cidade processa soja, deve aplicar R$ 240 milhões na ampliação da unidade.

Segundo informações do Valor Econômico, a empresa estaria embalada por aumentos de receita e lucro no Brasil em 2014.

Em 2015, a empresa pretende investir R$ 1,2 bilhão que tende a fortalecer a subsidiária local como uma de suas principais fontes de resultados entre os quase 70 países nos quais mantém operações diretas.

Ainda segundo o Valor, deflagrado no início de 2014, o plano, bienal, contabilizou aportes de R$ 640 milhões até dezembro. Restam, portanto, R$ 560 milhões, que estão sendo aplicados em diferentes frentes de negócios e também marcarão as comemorações dos 50 anos de atividades da companhia no país.

Como a empresa não pretende mexer em nenhum dos pilares básicos que em 150 anos a sedimentaram como a líder global de um setor cada vez mais concorrido, ganha força os investimentos da empresa para otimizar o escoamento dos produtos originados no Brasil com destino ao mercado externo, como a ampliação do terminal portuário de Santarém e a implantação de uma estação de transbordo em Miritituba, bem como sua expansão no município de Três Lagoas.

LICENÇA

Atualmente, a Cargill só aguarda a liberação de licença ambiental para promover sua ampliação. Vale ressaltar que mais de 500 pessoas podem ocupar as vagas de emprego que serão disponibilizadas pela empresa durante as obras de ampliação.

Da Redação
Com informações de Valor Econômico