- Destaque Política

PSDB amplia bases eleitorais com adesão de prefeitos e vereadores

Com essas e outras investidas o partido planeja pavimentar o caminho rumo às eleições municipais do ano passado na Capital e no interior do Estado.

O PSDB deve anunciar em breve uma série de filiações de lideranças políticas que deixaram de fazer parte dos quadros do PRP em Mato Grosso do Sul, entre as quais, o prefeito do município de Santa Rita do Pardo, Cacildo Pereira, e vereadores. A cooptação de novas lideranças políticas faz parte de uma estratégia bem sucedida arquitetada pelo secretário Sérgio de Paula (Casa Civil) visando fortalecer as bases eleitorais do PSDB no Estado.

Com essas e outras investidas o partido planeja pavimentar o caminho rumo às eleições municipais do ano passado na Capital e no interior do Estado.

Na manhã desta terça-feira, o ex-presidente regional do PRP, Dorival Betini, se reuniu com Sérgio de Paula, na Assembleia Legislativa, com quem discutiu o encaminhamento das discussões em torno da construção de um projeto suprapartidário que inclua a eleição de prefeitos e vereadores nas principais cidades de Mato Grosso do Sul.

Apesar de articular a ida de vários correligionários para o ninho tucano, Betini confidenciou que foi convidado pelo presidente regional do PR, ex-deputado estadual Londres Machado, para fazer parte da executiva do partido.

Segundo Betini, o projeto inclui a participação do PR numa aliança com o PSDB nos municípios onde for possível.

“Onde não for possível os partidos caminharem juntos, aí vamos para o confronto”, avisou o ex-presidente regional do PRP, que deixa o grupo depois de uma bem sucedida estratégia de campanha em que a legenda elegeu um prefeito, um vice e nove vereadores.

Betini adiantou ainda que está negociando a filiação da vice-prefeita de Bataguassu, Maria Aparecida Ramos (ex-PRP) ao PSDB do governador Reinaldo Azambuja.

Apesar do assédio, o PSDB não deve atrair todas as lideranças oriundas do PRP, como os vereadores, uma vez que o projeto prevê que parte deles se filie ao PR de Londres Machado.

Como parte do acordo, o vice-prefeito de Bataiporã, José Antonio, deve assinar ficha de filiação ao PR. Esses encaminhamentos voltarão a ser discutidos com o presidente regional do PSDB e secretário de Estado de Fazenda, Márcio Monteiro.

Atualmente, o PSDB controla 13 prefeituras sul-mato-grossenses, incluindo as filiações de Cacildo Pereira, de Santa Rita do Pardo; e Yuri Valeis, de Sonora, conforme atestou Sérgio de Paulo, em conversa por telefone com o site Conjuntura Online.

REFORMAS POLÍTICAS

Ao mesmo tempo em que se mobilizam em torno do processo eleitoral de 2016, os dois grupos aguardam o desenrolar da votação da proposta de reforma política que tramita no Congresso Nacional para saber como agir nos compromisso futuros.

Betini disse que, ao se filiar no PR, terá a incumbência de mapear o Estado para saber qual a liderança interessada em disputar as eleições municipais do ano que vem.

A ideia de Londres Machado, segundo ele, é disputar as eleições com chapas próprias em cidades estratégicas, como Campo Grande, Dourados, Corumbá e Três Lagoas. No entanto, se não for possível, o caminho será firmar alianças com o PSDB e outros partidos, dependendo das peculiaridades regionais.

Conjuntura Online