Policial

Polícia deflagra operação contra fraude em licitações para realização de eventos

O Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco) deflagrou nesta quinta-feira (13), nas cidades de Três Lagoas e Campo Grande, a Operação Morteiro. O trabalho visa o cumprimento de quatro mandados de busca e apreensão e quatro de condução coercitiva.

A operação policial é fruto de investigação iniciada há dez meses, a partir de denúncias feitas à Promotoria do Patrimônio Público de Três Lagoas, de que empresários teriam fraudado licitações destinadas à contratação de empresas para a realização de eventos naquele município.

Durante a apuração, surgiram indícios de que empresários teriam combinado valores de propostas e orçamentos, para que licitações fossem vencidas por empresas previamente escolhidas pelo grupo. Existem também evidencias de participação de servidores públicos municipais nas irregularidades.

Dentre as licitações com indícios de irregularidade está a contratação de show pirotécnico na última festa de Réveillon em Três Lagoas.

As buscas são cumpridas na Prefeitura de Três Lagoas e na sede de três empresas do ramo de eventos, uma delas também em Três Lagoas e as outras duas em Campo Grande.

Três empresários, além de um ex-servidor público de Três Lagoas foram conduzidos pelos policiais para prestar depoimento, em atendimento à determinação judicial.

Participam da operação 18 policiais militares do Gaeco, além de três promotores de Justiça.

Campo Grande

Equipes do Gaeco e Corpo de Bombeiros estiveram na empresa de fogos de artifício, Pirotec, na Capital, nesta quinta-feira. Policiais recolheram vários documentos no local.

Já os socorristas foram até a empresa por conta de alvará vencido.

 

VÂNYA SANTOS

viaPolícia deflagra operação contra fraude em licitações para realização de eventos – Correio do Estado.

Polícia deflagra operação contra fraude em licitações para realização de eventos