Política

PMDB recusa cargos para ficar com presidência da Assembleia

Depois de perder a eleição, ainda no primeiro turno, para governador do Estado e depois aderir, no segundo turno, à candidatura vitoriosa de Reinaldo Azambuja (PSDB), o PMDB luta para não perder o comando da Assembleia Legislativa. Os líderes peemedebistas negociaram com o tucano a presidência em troca de o partido dar sustentação política no Legislativo.

O presidente regional do PMDB, deputado Junior Mochi, pretende se reunir no início da próxima semana com Azambuja para fechar o acordo. Assim, Mochi espera contar com apoio político do próximo gestor estadual para o PMDB ficar com a presidência da Casa de Leis.

PMDB está à frente da Assembleia há oito anos ininterruptos com o deputado Jerson Domingos. Ele não concorreu à reeleição em troca de assumir vaga no Tribunal de Contas do Estado. O seu nome já foi aprovado pela Assembleia.

A reportagem, de Tavane Ferraresi, está na edição de hoje do jornal Correio do Estado.

 

viaPMDB recusa cargos para ficar com presidência da Assembleia – Correio do Estado.

PMDB recusa cargos para ficar com presidência da Assembleia