Esporte

Pela artilharia, Neymar joga semifinal contra uma de suas maiores vítimas

Neymar encara um dos seus rivais favoritos (Foto: AFP)

Em sua melhor sequência no Barça, marcando há quatro jogos seguidos, brasileiro corre atrás do já eliminado Iago Aspas, do Sevilla, pelo posto máximo de goleador

Neymar começa nesta quarta-feira, às 16h, a briga contra o Villarreal para colocar o Barcelona na final da Copa do Rei, mas também a busca por um objetivo pessoal: o de sua primeira artilharia pelo clube catalão. Com quatro gols marcados até aqui, o brasileiro está a três do líder Iago Aspas, já eliminado com o Sevilla, e encara uma de suas vítimas preferidas.

O GloboEsporte.com acompanha a partida em Tempo Real, a partir das 16h (de Brasília).

O Villarreal é o terceiro time que mais sofreu com Neymar desde que o brasileiro chegou ao Barcelona, de 19 que já sofreram gols do atacante. Foram três gols em três jogos, mesmo número de vezes que o camisa 11 balançou as redes contra o Athletic de Bilbao, o Granada e o Celtic, da Escócia. Na frente entre os alvos preferidos estão o Atlético de Madrid (5) e o Elche (4).

Na última partida contra o Villarreal, ou como é conhecido na Espanha, o ‘submarino amarelo’, Neymar teve partida impecável e deixou sua marca na vitória por 3 a 2, há dez dias. O atacante tem a seu favor uma sequência de quatro jogos fazendo gols, sua melhor desde a chegada na Europa: marcou contra Elche, Atlético, Villarreal e Athletic de Bilbao, no último final de semana.

No entanto, a concorrência começa dentro do próprio time. Neymar está um gol atrás de Pedro, que tem cinco e vinha sendo titular na competição, mas deve voltar para o banco enquanto Luis Enrique sinaliza força total com o trio formado pelo brasileiro ao lado de Messi e Suárez. Do outro lado do campo, o camisa 11 terá de contar com a ajuda dos companheiros, já que Gerard Moreno, do Villarreal, tem cinco gols e será a principal concorrência.

 

Por Cassio Barco

viaPela artilharia, Neymar joga semifinal contra uma de suas maiores vítimas | globoesporte.com.

Pela artilharia, Neymar joga semifinal contra uma de suas maiores vítimas