- Destaque - Destaque Principal Geral

Lagoa de água cristalina é formada durante obra no Pantanal de MS

Máquinas tiravam cascalho quando mina começou a aflorar em Corumbá. Prefeitura diz que área será cercada e passará por análise técnica.

Uma lagoa de água cristalina foi formada na região do Pantanal de Mato Grosso do Sul, durante escavação de obras de recuperação de vias perto da BR-262. A informação foi divulgada no fim da tarde da segunda-feira (6), pela prefeitura de Corumbá, a 415 km de Campo Grande.

A assessoria da prefeitura informou ao G1, nesta terça-feira (7), que máquinas retiravam cascalho para usar no nivelamento das vias do assentamento São Gabriel quando uma mina de água começou a aflorar.

Em pouco tempo, segundo a prefeitura, a água jorrada pela mina encheu o espaço que já tinha sido escavado. O local continua tendo vazão de água.

Segundo o prefeito Paulo Duarte (PT), a água é incolor e inodora e técnicos foram chamados para fazer testes de qualidade e de vazão do líquido. Se ficar comprovado que a água é potável, poderá ser uma alternativa para os moradores da região, segundo o chefe do executivo municipal.

Ainda conforme a assessoria da prefeitura, os moradores da região enfrentam problemas de escassez de água. O local deve ser alvo de estudos para saber se outras minas podem estar presentes na região.

Equipes da Secretaria de Produção Rural e da Fundação de Meio Ambiente vão cercar a área. O objetivo é evitar que animais tenham acesso e que a fonte seja poluída.

Assentamento
Segundo a prefeitura, o assentamento São Gabriel ainda não é emancipado pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), por isso, o órgão ainda é o responsável pelo assentamento, na zona rural de Corumbá.

Mesmo assim, a prefeitura faz obras de recuperação das estradas em toda a zona rural da cidade, como forma de facilitar o escoamento da produção.

Lagoa foi achada em obra no Pantanal de MS (Foto: Marcos Boaventura/ Divulgação Prefeitura de Corumbá)

Do G1 MS