- Destaque - Destaque Principal Geral Outros

As melhores atividades físicas para crianças e adolescentes

Durante a primeira infância, toda atividade deve ser voltada ao desenvolvimento das habilidades físicas e motoras da criança.

A prática de atividades físicas é fundamental para a saúde e o bem estar do ser humano ao longo de praticamente toda sua vida. No entanto, é durante a infância e na adolescência que as atividades físicas terão um papel fundamental em seus progressos, já que é durante esses períodos que ocorre o pleno desenvolvimento físico e psicológico dos pequeninos e dos jovens adultos.

Confira as melhores atividades físicas voltadas a essas importantes etapas da vida.

Em cada fase, um objetivo diferente
Seja apenas para explorar os próprios limites físicos ou mesmo para o aprendizado do trabalho em equipe e o despertar de um instinto competitivo saudável, cada fase da vida pode ser mais bem desenvolvida com atividades específicas:

Dos 3 aos 8 anos
Durante a primeira infância, toda atividade deve ser voltada ao desenvolvimento das habilidades físicas e motoras da criança. O foco deve ser o prazer e descontração da criança durante seu aprendizado e desenvolvimento, sem cobranças intensas ou muita pressão para obter vitórias ou graduações. Atividades indicadas: danças, natação, ginástica, capoeira.

Dos 9 aos 13 anos
Nessa fase, começam acontecer as maiores mudanças no corpo e na mente dos pré-adolescentes. É uma fase cheia de dúvidas e questionamentos, mas principalmente de autoconhecimento. Por isso, é hora de começar a elevar um pouco mais seus limites e aprender a interagir e cooperar. Os pais devem incentivar o progresso, mas sem pressões extremas caso isso não aconteça, como por exemplo, quando acontece um mau desempenho em uma competição.

Atividades indicadas: corrida, atletismo, futebol, natação, ciclismo, skate, artes marciais de baixo e médio impacto, surfe, tênis, ping-pong. Atenção aos equipamentos, vestuário e calçados adequados para as atividades (veja alguns exemplos aqui).

A partir dos 13 anos
Esportes em equipe vão estimular não só o lado competitivo do jovem adulto como também vai fazê-lo compreender algumas regras de hierarquia, cooperação e trabalho em equipe. Não se esqueça de que estímulos e incentivos positivos são sempre bem vindos, assim como as críticas, desde que sejam construtivas: nunca inferiorize os esforços de uma jovem atleta, mesmo que ele não obtenha os resultados esperados de imediato.

Atividades indicadas: futebol, vôlei, basquete, handebol, pólo aquático, hóquei, futevôlei, basebol.