- Destaque - Destaque Principal Três Lagoas

Água-clarense vai montar em um touro bravo para ajudar Hospital Auxiliadora

O dinheiro que for coletado durante sua apresentação, será todo revertido em prol do Auxiliadora

Você é daquelas pessoas dispostas a fazer qualquer loucura por amor? Pois a água-clarense Simone de Oliveira é uma dessas. Ela está na contagem regressiva para encarar o seu maior desafio ao longo de seus 29 anos de idade. Não por amor a uma pessoa, mas a uma causa. Para ajudar o setor de oncologia do Hospital Nossa Senhora Auxiliadora, ela participará, pela primeira vez, de uma montaria em touro. O ato de ousadia e amor ao próximo – que ela classificou de “desafio do bem” – será neste sábado no rodeio que inicia nesta quinta-feira (10) em Três Lagoas, na Vila Haro, e vai até domingo. O dinheiro que for coletado durante sua apresentação, será todo revertido em prol do hospital. Contra a vontade do namorado e dos pais, Xucra vai desafiar nada menos que o touro “Segredo” que já derrubou muitos marmanjos em rodeios da região. Além do prazer em enfrentar novos desafios, ela diz que a montaria será a realização de um antigo sonho. E agradece aos peões competidores de Água Clara que a apoiam e lhe dão treinamento. Apesar de ter nascido na cidade e nunca ter morado em fazenda, Xucra sempre se identificou com o mundo sertanejo, por influência dos tios. “Desde pequena já montava em bezerros e viajava tocando boiada pelo estradão” relata. Mas esta será sua primeira experiência com touro bravo. Com poucos dias de treino, ela espera não decepcionar os fãs. Entretanto, independentemente do resultado, garante que não pretende seguir competindo em rodeios. O máximo que poderá ocorrer serão algumas apresentações beneficentes em rodeios da região. “Não tem como deixar minha família e minhas coisas”, diz. Além de radialista ela é comerciante, autônoma, consultora de beleza e realiza um montão de outras atividades ligadas ao sertanejo, dentre as quais, a competição em prova de tambores. Aliás, na Cavalgada Sertaneja realizada no fim de semana em Água Clara, ela abocanhou o primeiro lugar. Apesar da ansiedade com a aproximação do dia de encarar o “Segredo”, Xucra diz que está preparada psicologicamente e que não pretende amarelar, mesmo com a dificuldade que antevê por conta do estilo de pular do touro Segredo que, segundo ela, é diferente de todos os demais touros que tem treinado. Para não correr tanto risco, usará os equipamentos de proteção (calça de couro e colete). Vai dispensar apenas o capacete.

Xucra vai montar o Touro Segredo (Foto: Divulgação)

João Maria Vicente
Hojemais