Conheça:

Fogo começou na madrugada e tomou conta do prédio de 24 andares até o amanhecer.

"Eu, meu irmão e outras pessoas que vivem ali corremos para um lugar seguro. Mas vimos pessoas jogando suas crianças e dizendo 'salvem meus filhos'", contou Tamara, uma das testemunhas que presenciaram o fogo.

 

"Havia pessoas nas janelas gritando por socorro. Dava pra ver o fogo entrando nas casas e tomando conta dos apartamentos."

Samira Lamrani, outra testemunha. descreveu como um homem que estava em frente ao prédio conseguiu segurar um bebê conforme o fogo tomava conta da London Grenfell Tower, perto da estação de metrô Latimer Road, região oeste da cidade.

Segundo ela, uma mulher apareceu na janela fazendo gestos de que jogaria seu bebê do nono ou décimo andar. "As pessoas estavam começando a aparecer nas janelas, batendo nos vidros e gritando", afirmou.

"As janelas estavam ligeiramente entreabertas - uma mulher gesticulava que estava prestes a atirar o bebê e pedia que alguém tentasse pegá-lo. Alguém fez isso, um homem correu e conseguiu agarrar o bebê."

O incêndio começou pouco antes da 1h (21h em Brasília). As primeiras imagens mostraram as chamas subindo a partir do décimo andar e, mais tarde, o prédio inteiro parecia estar em chamas. Testemunhas destacaram a rapidez com que o fogo se espalhou pelo prédio."Acho que o mais impressionante para todo mundo foi o quão rápido o fogo passou de zero para cem. Estava literalmente só no quarto andar. Estava forte, mas era algo menor ainda. Aquele prédio é realmente grande", disse.

Por enquanto, a polícia contabilizou seis mortes e ao menos 50 pessoas feridas levadas a hospitais.

As cenas descritas pelas testemunhas são de desespero. O fogo tomou conta rapidamente dos andares e foram inúmeras as pessoas que optaram por se jogar da sacada tentando se salvar.

"Vimos pessoas por todos os lados gritando por socorro desesperadamente. A gente respondia dizendo que já havia chamado a emergência, tentando acalmá-los, mas dava pra ver o olhar apavorante de medo da morte que eles tinham", disse Lamrani.

Ela disse que um morador tentou usar um "paraquedas caseiro" para se jogar por uma janela.

Lamrani disse que havia "um número infinito de pessoas" presas no prédio, incluindo crianças, e que podia ouvi-las "gritando por suas vidas".

"Eu tenho uma amiga que ficou presa em sua casa até 5h da manhã com seus filhos e, por sorte, ela conseguiu sair", contou.

"E eu vi pessoas pulando de suas varandas, de suas janelas. Literalmente vi um homem se jogando de sua sacada. Vi crianças gritando por ajuda. Vimos muitas pessoas pulando", descreveu Lamrani.

Cotação do Dólar

Quem está Aqui!

Temos 24 visitantes e Nenhum membro online