Conheça:

Considerada a capital sul-mato-grossense da Luta de Braço, Três Lagoas está completando 10 anos da modalidade dentro do município, e em breve sediará  a Copa Sul, Sudeste e Centro-Oeste, evento à nível nacional do esporte. Conforme o presidente da Associação Três-lagoense de Luta de Braço (ATLB), José Carlos Vicente, um acordo foi feito com o presidente da Federação de Luta de Braço do Mato Grosso do Sul, Eduardo Ferreira da Silva, para trocar o calendário, já que o evento foi uma surpresa para a Associação. “Estamos esperançosos, já intensificamos os treinos, agradecemos aos nossos atletas por esse mérito de trazer uma importante etapa pra cá”, Afirma José.

 

As atenções foram voltadas para Três Lagoas após a conquista do título brasileiro em um campeonato nacional, realizado em Valinhos (SP) no ano passado. Devido a boa atuação, a Confederação Brasileira de Luta de Braço e Halterofilismo (CBLBH) convidou a cidade para sediar o evento.

O objetivo é atender a comunidade, principalmente as áreas mais carentes
José, presidente da ATLB

Três Lagoas está abrindo o calendário nacional, iniciando o evento no dia 17 de Março, a expectativa é a participação de cerca de dez estados de grande proporção da confederação brasileira, com a presença de atletas renomados e campeões brasileiros.

 

Segundo José, Três Lagoas superou diversas cidades que fazem parte da federação sul-mato-grossense, por compreender um grande número de atletas renomados, campeões brasileiros e atletas convocados para o campeonato mundial. “Tivemos no ano passado a convocação de dois atletas para um campeonato mundial, o Elifas e o Yudi, eles foram convocados representando Três Lagoas e o estado muito bem”, diz.

 

CENTRO DE TREINAMENTO

 

Além dos campeonatos, a associação também administra projetos sociais, um deles na escola Maria Eulália Vieira, que foi nomeado como “Projeto Neve”, as aulas são todas as quartas-feiras das 17:30 às 19:00. “Fizemos também no Poliesportivo da Lagoa Maior, todas as quintas e todos os sábados das 18:30h às 21h. E conseguimos agora o centro de treinamento, que está em fase de construção”, explica.

 

A área que cobre o futuro Centro de Treinamento de Três Lagoas é de 40536 m² próximo ao Cemitério Municipal Santo Antônio, a área é cedida por um amigo do José que forneceu três anos de carência, sob a cobrança de aluguel, atualmente cerca de 35% da obra está construída, com recursos próprios. Uma demanda de 500 pessoas será atendida no novo Centro. “Precisamos de apoio porque não temos condições financeiras, a entidade é sem fins lucrativos, então não temos meios para as obras. Não vamos trabalhar somente com a luta de braço, já tive parceiros de outras modalidades que somaram, falei com o pessoal da capoeira, tae-kwon-do, será um centro de múltiplas atividades. O objetivo é atender a comunidade, principalmente as áreas mais carentes, precisamos de apoio, porque todos os nossos parceiros passam pelas mesmas dificuldades. Precisamos de união para alavancar essa iniciativa”, declara.

 

O Presidente da Associação cita as dificuldades de utilizar a própria verba há mais de cinco anos para desenvolver o trabalho e a modalidade de forma voluntária na cidade. “Estamos procurando apoio e patrocínio, é complicado porque têm hora que precisamos colocar a mão no bolso para honrar com os compromissos e com a nossa palavra”.

 

“Uma mãe me deu um abraço pela situação dentro de casa, que o aluno que participa da nossa associação e modalidade, melhorou o comportamento, mudou completamente, o menino voltou até para a escola, ficamos comovidos porque é isso que o esporte faz”, desabafa. 

 

Cotação do Dólar

Quem está Aqui!

Temos 27 visitantes e Nenhum membro online